Governo Federal libera PLU

Notícias e artigos retirados da mídia em geral.

Moderador: Moderadores

Regras do fórum
As regras do fórum estão disponíveis CLICANDO AQUI.

Governo Federal libera PLU

Mensagempor Maurício » Qua Out 25, 2017 12:16

Agora vai! Portaria do Ministério dos Transportes/GF publicada no D.O.U de hoje (25) libera PLU para voos comerciais, além dos regionais. Prometi a mim que não iria falar mais nesse assunto, devido às grandes polêmicas dos prós e contras. Entretanto, a notícia é alvissareira para os usuários e vai melhorar a economia do Estado, em tempos de crise.
" Uma vez que você tenha experimentado voar, você andará pela terra com seus olhos voltados para o céu, pois lá você esteve e para lá desejará voltar." (Leonardo da Vinci)
Avatar do usuário
Maurício
MASTER
MASTER
 
Mensagens: 1797
Registrado em: Dom Dez 19, 2004 16:10
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: Governo Federal libera PLU

Mensagempor Fernando C. Milke » Qua Out 25, 2017 14:35

Entre 2000 e 2001 fui 4 vezes a BH via Aeroporto da Pampulha (737-500 Rio Sul e Fokker 100 TAM), lembro que o saguão estava muito cheio e as salas de embarque e desembarque lotadas. O Terminal foi ampliado ou continua o mesmo? Aliás, no piso superior havia um pequeno terraço panorâmico, permanece?
Fernando C. Milke
MASTER
MASTER
 
Mensagens: 6534
Registrado em: Sex Dez 24, 2004 12:26
Localização: Porto Alegre

Re: Governo Federal libera PLU

Mensagempor Maurício » Qui Out 26, 2017 21:16

Fernando,
Como a estrutura física do terminal é a mesma, a proposta seria liberar operação nacional dos jatos, um voo a cada 15 minutos, ou seja, 4/h com A319, B737-700 e EMB 190 e talvez restrito para o período de 6h às 22h. E no piso superior ainda existe um terraço, que com o tempo foi diminuindo de extensão. Acredito que devam permitir somente voos de/para SDU/CGH/BSB e VIX. A confirmar.
" Uma vez que você tenha experimentado voar, você andará pela terra com seus olhos voltados para o céu, pois lá você esteve e para lá desejará voltar." (Leonardo da Vinci)
Avatar do usuário
Maurício
MASTER
MASTER
 
Mensagens: 1797
Registrado em: Dom Dez 19, 2004 16:10
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: Governo Federal libera PLU

Mensagempor Maurício » Qua Nov 29, 2017 20:41

Agora sim!..A GOL inicia amanhã (30/11), a venda dos bilhetes para os voos CGH/PLU/CGH de 22 JAN 2018, com B737-700 (138 pax):
CGH 0705 PLU 0830
PLU 0900 CGH 1005
CGH 1620 PLU 1735
PLU 1805 CGH 1925

Vamos esperar QH, data e equipamento das outras cias.
" Uma vez que você tenha experimentado voar, você andará pela terra com seus olhos voltados para o céu, pois lá você esteve e para lá desejará voltar." (Leonardo da Vinci)
Avatar do usuário
Maurício
MASTER
MASTER
 
Mensagens: 1797
Registrado em: Dom Dez 19, 2004 16:10
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: Governo Federal libera PLU

Mensagempor Fernando C. Milke » Qui Nov 30, 2017 16:30

Maurício escreveu:CGH 0705 PLU 0830
PLU 0900 CGH 1005
CGH 1620 PLU 1735
PLU 1805 CGH 1925

Bons horários, executivos/clientes a trabalho certamente vão gostar!
Fernando C. Milke
MASTER
MASTER
 
Mensagens: 6534
Registrado em: Sex Dez 24, 2004 12:26
Localização: Porto Alegre

Re: Governo Federal libera PLU

Mensagempor Maurício » Qui Nov 30, 2017 18:15

Fernando C. Milke escreveu:
Maurício escreveu:CGH 0705 PLU 0830
PLU 0900 CGH 1005
CGH 1620 PLU 1735
PLU 1805 CGH 1925

Bons horários, executivos/clientes a trabalho certamente vão gostar!


O problema já é a tarifa inicial, cerca de R$ 660 por trecho bem maior que em CNF. Assim, parece somente pax corporativo.
" Uma vez que você tenha experimentado voar, você andará pela terra com seus olhos voltados para o céu, pois lá você esteve e para lá desejará voltar." (Leonardo da Vinci)
Avatar do usuário
Maurício
MASTER
MASTER
 
Mensagens: 1797
Registrado em: Dom Dez 19, 2004 16:10
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: Governo Federal libera PLU

Mensagempor Maurício » Sex Dez 01, 2017 07:15

Maurício escreveu:
Fernando C. Milke escreveu:
Maurício escreveu:CGH 0705 PLU 0830
PLU 0900 CGH 1005
CGH 1620 PLU 1735
PLU 1805 CGH 1925

Bons horários, executivos/clientes a trabalho certamente vão gostar!


O problema já é a tarifa inicial, cerca de R$ 660 por trecho bem maior que em CNF. Assim, parece somente pax corporativo.


CORREÇÃO: Tarifas para embarque em 22 JAN 2018 para CGH, com partidas de:
PLU 9h - R$ 424;
CNF 10h - R$ 259;
CNF 16h40 - R$ 138;
PLU 18h05 - R$ 223;
Valores susceptíveis a variações.

Fonte: Estado de Minas - 01 DEZ 2017.
" Uma vez que você tenha experimentado voar, você andará pela terra com seus olhos voltados para o céu, pois lá você esteve e para lá desejará voltar." (Leonardo da Vinci)
Avatar do usuário
Maurício
MASTER
MASTER
 
Mensagens: 1797
Registrado em: Dom Dez 19, 2004 16:10
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: Governo Federal libera PLU

Mensagempor Fernando C. Milke » Seg Dez 25, 2017 18:35

Além da Gol, quais empresas já estão com bilhetes a venda? Azul, TAM, Avianca?
Fernando C. Milke
MASTER
MASTER
 
Mensagens: 6534
Registrado em: Sex Dez 24, 2004 12:26
Localização: Porto Alegre

Re: Governo Federal libera PLU

Mensagempor Electra » Sáb Dez 30, 2017 21:43

TCU barra volta de voos de grande porte para Aeroporto da Pampulha

Na decisão, o ministro Bruno Dantas dá 60 dias para a ANAC, Infraero e o Ministério dos Transportes apresentarem estudos de viabilidade

A volta dos voos de grande porte para o Aeroporto da Pampulha está suspensa por uma liminar do Tribunal de Contas da União (TCU). A decisão foi tomada nessa quarta-feira (27) e tem efeito até que o mérito da representação, que pede a revogação definitiva da portaria que permitiu a reabertura do terminal, seja julgado pela Corte. A medida contraria o governo do presidente Michel Temer (PMDB), que operou para a permissão por acordos políticos.
O despacho do ministro Bruno Dantas determina que o Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil (MPTA) suspenda os efeitos da portaria 911, de 24 de outubro. Na avaliação de Dantas, o ato ocorreu de forma "aparentemente açodada e sem motivação idônea" e não foram justificadas a relevância e a urgência das medidas tomadas.
A decisão ocorreu no dia 24 de outubro, véspera da votação em que a Câmara dos Deputados rejeitou o recebimento da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB). O pedido para liberar o aeroporto teria partido do PR do ex-deputado Valdemar da Costa Neto, e atendia aos interesses de parte da bancada mineira.
No despacho, o TCU dá 60 dias para que o ministério apresente estudos técnicos e avaliações jurídicas demonstrando a possibilidade do reestabelecimento dos voos domésticos, sem restrições, no aeroporto Carlos Drummond de Andrade.

Prazo para explicações

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) terá o mesmo prazo para se pronunciar sobre os riscos e implicações da medida, incluindo os “efeitos obre as condições de conectividade, ambiente concorrencial sadio, modicidade tarifária e qualidade na prestação dos serviços públicos”.
Já a Infraero terá os mesmos 60 dias para apresentar o impacto dos voos sobre as receitas advindas da exploração do Aeroporto de Confins e sobre as despesas de investimento futuro necessárias para o Aeroporto da Pampulha, “realizando o cotejo entre vantagens e desvantagens dessa decisão para a saúde financeira da estatal”.
A permissão para os voos voltarem à Pampulha foi dada em portaria do Ministério dos Transportes no dia 24 de outubro. Já a representação contestando a decisão foi apresentada pelo senador Antonio Anastasia (PSDB), que pede a anulação da portaria. Na peça, ele alega que a portaria foi editada “sem a devida motivação, afrontando os princípios do estado democrático de direito, a jurisprudência e a doutrina”. O tucano cita ainda impactos negativos para o transporte aéreo na Região Metropolitana de BH, “como possível perda de conectividade, redução ou eliminação de voos internacionais e aumento do preço das passagens aéreas”.
A questão também está sendo discutida em ação na Justiça. A BH Airport, concessionária do Aeroporto de Confins, ingressou com ação no Superior Tribunal de Justiça (STJ) para revogar o ato do ministério. O processo, que está sob a relatoria do ministro Francisco Falcão, deve ser julgado a partir de fevereiro, quando termina o recesso do Judiciário.

Anastasia aponta riscos

Autor da ação no TCU, o senador Antonio Anastasia comemorou a decisão e disse que sempre considerou a portaria uma “aberração sem motivos ou justificação”. Para ele, a permissão da volta dos voos para a Pampulha foi uma contradição com outra portaria do ministério que vedava as operações por motivo de segurança. “Desde o início sempre disse que o planejamento do Aeroporto de Confins foi feito exatamente para transformá-lo em um grande hub da aviação nacional e mesmo da internacional, na América do Sul. Temos condições de fazê-lo”, disse.
Para o tucano, a volta dos voos para a Pampulha “colocaria em risco anos de investimento” e haveria dificuldade de recuperar a confiança dos investidores, pois o contrato não previa a concorrência com o Aeroporto da Pampulha. “Temos primeiro de consolidar Confins, aumentado o número de passageiros e tendo o mesmo movimento de Rio e São Paulo. Só então poderemos ter dois aeroportos”, explicou.

Portaria causou prejuízos para Confins

O diretor-presidente da BH Airport, Adriano Pinho, acredita que a decisão do TCU dará forças para a ação judicial movida pela concessionária contra a portaria 911. “A decisão está muito na linha do que a gente vem defendendo em relação ao interesse público primário. A gente sempre alegou que essa medida não só aumenta o custo de passagens e reduz a oferte de voos e destinos mas também diminui a conectividade, afetando a capacidade do aeroporto de Confins de oferecer um hub da aviação”, disse.
Para o dirigente da BH Airport, a portaria também afetou a segurança jurídica e a atratividade para os investimentos em Confins. Segundo ele, Confins teve um prejuízo de R$ 16 milhões por causa da portaria ministerial. Isso porque a medida suspendeu um financiamento do BNDES de R$ 507 milhões que seria assinado em novembro, que seria para pagar um empréstimo ponte e realizar novos investimentos no aeroporto.
“Isso trouxe um custo adicional não previsto da ordem de R$ 16 milhões para prorrogar o empréstimo ponte. Não faz sentido a Infraero deixar um buraco de R$ 500 milhões no caixa aqui (em Confins) pretendendo investir dinheiro na Pampulha”, disse. Com a suspensão da portaria, a BH Airport vai procurar o BNDEs para reavaliar o plano de investimentos no Aeroporto de Confins.

Ministério do Trabalho não foi notificado

Procurado pelo Estado de Minas, o Ministério dos Transportes disse que ainda não foi notificado da decisão do TCU e, portanto, não vai se pronunciar. Apesar de citada, a ANAC também disse que não se posicionaria pelo fato de a portaria ser do ministério. A Infraero ainda não retornou.

Fonte: https://www.em.com.br/app/noticia/econo ... ulha.shtml
Grato desde já!
Abraços!!!
Electra
MASTER
MASTER
 
Mensagens: 1234
Registrado em: Sex Mai 19, 2006 21:35

Re: Governo Federal libera PLU

Mensagempor Fernando C. Milke » Sex Jan 05, 2018 10:32

Gol ainda mantém venda das passagens dos voos da Pampulha após decisão do TCU

03/01/2018 - 10h50 - Atualizado 13h42

No dia 27 de dezembro de 2017, o Tribunal de Contas da União (TCU) determinou que o Governo Federal suspenda cautelarmente a portaria do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil (MTPA) que liberou jatos de grande porte no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte.

A portaria permitia ainda voos para a capitais a partir de Belo Horizonte. Mesmo com a decisão do TCU, a Gol manteve a venda das passagens dos dois voos sem escalas que estão previstos para 22 de janeiro de 2018. A Gol foi a única a companhia até agora a ter voos aprovados com jatos de grande porte. A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) informou que está analisando a decisão do TCU. Somente após essa análise é que a agência vai se posicionar sobre o assunto. Enquanto isso não acontece, a Gol confirmou que irá continuar a vender as passagens.

A suspensão da portaria atendeu a um pedido do senador Antonio Augusto Junho Anastasia (PSDB/MG). O Superior Tribunal de Justiça (STJ) analisa pedido da BH Airport, concessionária de Confins, para que seja concedida liminar suspendendo os voos na Pampulha.

HOJE EM DIA
Fernando C. Milke
MASTER
MASTER
 
Mensagens: 6534
Registrado em: Sex Dez 24, 2004 12:26
Localização: Porto Alegre


Voltar para AERONOTÍCIAS

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 12 visitantes

cron